Resumo do Livro: O Escaravelho do Diabo

Capa do Livro O Escaravelho do Diabo

“O escaravelho do diabo”, de Lúcia Machado de Almeida é um grande clássico da literatura juvenil. Publicado inicialmente como um dos livros da série Vaga-Lume, em 1972, o livro já recebeu mais de 20 edições e se encontra na lista dos livros infanto-juvenis mais vendidos da história da literatura brasileira. Como se trata de um grande clássico costuma ser leitura obrigatória em todas as escolas do país. O livro que fez parte da história de uma geração inteira de leitores vai ganhar uma versão cinematográfica, com promessa de ser lançado no início de 2016, conta com Jairo Mattos no elenco.

 

A narrativa de “O escaravelho do diabo”, inicia-se com a misteriosa morte de Alberto, irmão de Hugo, que depois de receber um pacote estranho, com conteúdo mais estranho ainda – um besouro preto – aparece sem vida, com uma espada cravada em seu peito. O irmão, Hugo, inconformado com o terrível assassinato do irmão, passa a investigar a sua morte.

 

Ao retornar para casa em um dia, Hugo vê em uma revista, uma nota que fala sobre a espada que matou seu irmão. Ele passa então a procurar objetos antigos que possam lhe trazer alguma informação sobre o caso. Hugo chega até mesmo ir à uma loja de antiquário, de onde certamente saíra a espada que matara seu irmão.

 

Acontece que Hugo então procura novamente o inspetor Pimentel, agente policial que cuidava do caso. Lá, os dois conversam sobre as possibilidades de que o assassino pudesse estar a solta. Surgem outras vítimas do escaravelho e, coincidentemente, todas são ruivas. Um alerta então é dado às pessoas de cabelo vermelho, que fiquem atentas aos possíveis ataques. Clarence O’Shea, filho de Cora O’Shea, dona da pensão,  morre envenenado por uma cápsula de cianureto colocada em meio aos seus remédios; Maria Fernanda, cantora lírica, morre em meio a uma performance de “Carmen”, de Bizet, atingida por uma seta envenenada; o Galo da Serra, um pássaro de penas vermelhas em extinção morre estrangulado no Zoo; Rachel Saturnino, é a única ruiva a sobreviver aos ataques, mas fica com sequelas.

 

Até que se descubra quem é o assassino, Hugo e Pimentel saem em quase uma cruzada.  Após a morte de Padre Afonso, que morre carbonizado e Sr. Graz, as investigações são suspensas, já que não se conseguiu provar nada.

 

O mistério das mortes somente será revelado depois de anos, em uma viagem de Hugo à Alemanha.